Segurança alimentar em tempos de Coronavírus

• Valter Casarin

É de conhecimento que a segurança alimentar no mundo é dependente do uso de fertilizantes, especialmente os fosfatados, que são feitos de um recurso limitado, o minério de fosfato. Aliás, a maioria das minas de fosfato está localizada em um número limitado de países.

Discutir uma questão como essa é essencial em tempos nos quais, mais do que nunca, é necessária uma nutrição de qualidade e segura, para que o ser humano esteja adequadamente fortalecido, com excelente imunidade, para não contrair antigas e novas doenças.

O fósforo, por exemplo, é um elemento químico que constitui um nutriente essencial para todos os organismos vivos e não pode ser substituído por outro nutriente. Na agricultura moderna, é essencial manter um alto nível de produção nos sistemas agrícolas. Desde o século 20, o fluxo de fósforo no meio ambiente quadruplicou, enquanto seu uso produz alimentos suficientes para atender a altos níveis de crescimento populacional.

Desde o século 20, o fósforo extraído de rochas ricas em fosfato tem sido a principal fonte de fosfato para fertilizantes e suplementos alimentares para animais. A maior parte dos depósitos de fosfato conhecidos estão localizados no norte da África (64%), nos Estados Unidos (15%) e na China (6%).

Embora as reservas durem vários séculos, a produção diminuirá em algum momento e esse declínio na oferta deverá ser gerenciado. São necessários métodos mais eficientes para usar fertilizantes e encontrar maneiras de recuperar fósforo que é perdido para o meio ambiente em todas as etapas da cadeia de produção. A recuperação de águas residuais já é eficaz em muitas regiões do mundo onde existem estações de tratamento de águas residuais.

Apenas uma parcela dos fertilizantes utilizados é absorvida pelas lavouras, a maior parte permanece em reserva no solo. O uso agrícola eficiente de fertilizantes fosfatados é uma forma de melhorar o aproveitamento pelas plantas. Manejar corretamente o fertilizante fosfatado, usando a quantidade certa, no local certo e no momento certo. O controle de erosão através do controle do processo erosivo do solo também estará contribuindo para melhorar o aproveitamento do fertilizante, como evitando a poluição de lagos e rios.

Os solos tropicais, como é o caso do Brasil, possuem quantidades insuficientes para fornecer o fósforo necessário para o rendimento máximo das culturas. Assim, levar a aplicação de fertilizante com fósforo em consideração é o caminho para a manutenção da segurança alimentar. Através do uso de boas práticas de uso eficiente de fertilizantes é que teremos a aplicação de fósforo social e ambientalmente responsáveis.

A Nutrientes Para Vida (NPV) é uma iniciativa inovadora com a missão de informar a população sobre a relevância dos fertilizantes (o alimento das plantas), para o aumento da qualidade e segurança da produção de alimentos. As informações são baseadas em dados científicos. Com Visão, Missão e Valores análogos à coirmã americana, a Nutrients For Life, que já colhe importantes frutos em outros países, como Estados Unidos, onde nasceu, Canadá, México e Colômbia.

• Valter Casarin, engenheiro agrônomo da iniciativa Nutrientes para a Vida

Acontece Comunicação e Notícias
Milena Alvares – Beatriz Zolin, Chico Damaso
(55 – 11) 99911.8117 / 96497.6040 / 94232.0252 / 3871-2331 /
3589-9516 / 3562-0157 – 3853.0770 / 3873-6083 / 99911-8117
acontece@acontecenoticias.com.br

www.acontecenoticias.com.br

https://www.facebook.com/acontececomunicacaoenoticias/

SEJA UM INSCRITO

Get updates and learn from the best

Outros posts

Rolar para cima